facebook
vimeo
instagram
newsletter
22 0

Posted by  in Espetáculos

O espetáculo “Tráfico”, de Carlos Santiago, uma coprodução entre as companhias Baal17
(Serpa) e AL Teatro (Silves) apresenta-se no Teatro Principal de Santiago de Compostela,
Espanha, dia 28 de Setembro.

Escrito e encenado por uma dupla de galegos, Carlos Santiago e Chiqui Pereira,
respectivamente, o espetáculo “Tráfico”, que estreou em Serpa em outubro de 2016, foi o
resultado da mais recente colaboração entre a Baal17 e criadores galegos.
Uma parceria iniciada em 2008 com o espetáculo “Caravan Cabaret”, encenado por Marta
Pazos, e que desde logo revelou referências comuns: a crítica social e a sátira política,
doseadas do humor imprescindível; a procura de um teatro que, para além de entreter, busca
um público participativo e inteligente.

Considerou a Baal17 que esta ligação entre a Galiza, mais concretamente Santiago de
Compostela, e Portugal, Serpa, merecia, 10 anos após a sua concretização em palco, fazer o
sentido inverso da marcha.
Após uma década a fazer de Serpa a “sede” desta reflexão conjunta sobre a sociedade atual e
qual é o nosso papel na construção de uma sociedade mais justa e equilibrada, é chegada a
altura de levar a Santiago de Compostela, o resultado de uma dessas reflexões – “Tráfico”,
espetáculo que já foi alvo, em Portugal, de duas críticas teatrais realizadas por revistas da
especialidade da Galiza,(http://praza.gal/cultura/13069/trafico-teatral-galizaportugal/)
e “Revista Galega de Teatro” (https://rgtcritica.wordpress.com/2017/05/25/trafico/).

Para além da apresentação do espetáculo, a Baal17 desenvolverá duas atividades de
formação e troca de experiências artísticas com as estruturas teatrais Berrobambán, centrada
no teatro para a infância, e Producións Excéntricas, assente numa linguagem teatral
contemporânea; e participará no debate “As fronteiras da cultura” com alunos de língua
portuguesa da Escola Oficial de Idiomas sobre a cultura, a língua, o teatro e a dramaturgia
portuguesa.

mais:
http://www.baal17.pt/site/em-cena/

Leave a comment

* required